Eu sou a Monstra: Hilda Hilst para crionças / Hilda Hilst

 

Hilda Hilst escreveu em diversos gêneros literários, mas nunca publicou um livro infantil. Eu sou a Monstra: Hilda Hilst para crionças é a primeira publicação da autora para esse público. Hilda tinha uma relação de estranhamento com as crianças. Mas esse poema, escrito para Daniel Fuentes, filho de seu amigo José Luiz Mora Fuentes, é um exemplo de como a obra da autora alcança até as “crionças”, como Hilda se referia aos pequenos. Em edição artesanal, o livro traz um poema e desenhos da autora. A capa usa tipos móveis antigos. No miolo, o poema foi feito em linotipia. Os desenhos de Hilda Hilst foram reproduzidos em clichês de zinco com impressão tipográfica. O livro conta com costura aparente, feita à máquina. Capa e projeto gráfico de Sílvia Nastari. A edição é numerada, com tiragem de 510 exemplares. 

 

Edição e revisão Bruno Zeni

Capa e projeto gráfico Sílvia Nastari

Composição de texto em linotipo George Dimitrov Assis

Impressão tipográfica João Darc Morais
Acabamento Júlia Estronioli

  • Eu sou a Monstra: Hilda Hilst para crionças

    Poema e desenhos de Hilda Hilst

    Posfácio de Leusa Araujo

    ISBN: 978-85-93229-36-7

    15x15cm

    54 pp.

R$60.00Preço